Fake News, privacidade e vazamento de dados foram alguns dos assuntos que movimentaram os debates sobre a influência das redes sociais em 2018. Para 2019, a expectativa é buscar sanar os problemas encontrados no ano passado e intensificar a transparência e realidade das interações nas redes sociais. Por isso, confira 5 tendências para as redes sociais em 2019.

Busca pela verdade
Sem dúvidas, o debate sobre as Fake News, principalmente no período das eleições, colocou em xeque a credibilidade de algumas empresas da área de comunicação nas redes sociais. A pesquisa anual de confiança e credibilidade Edelman Trust Barometer 2018 (Barômetro de Confiança 2018), realizada com mais de 33 mil pessoas em 28 países, revelou que 58% dos brasileiros entrevistados não sabem diferenciar o que é verdade ou mentira nas redes sociais.
Esse número mostra a necessidade dessas empresas em correr atrás do prejuízo e investir na transparência de suas ações.

Uso do Stories
Os Stories são os queridinhos do momento e em 2019 vai se potencializar. Segundo Chris Cox, chefe de produto do Facebook, essa ferramenta deve superar o feed no que diz respeito ao compartilhamento de informações.
Para mostrar relevância nas redes sociais, as empresas devem interagir mais com a ferramenta Stories do Instagram, Facebook, WhatsApp e Snapchat.
Além disso, o Linkedin está testando essa funcionalidade com o objetivo de ampliar a tendência dos jovens na rede social e aumentar a visibilidade e rede de contatos do usuário.
O foco passa dos conteúdos mais extensos para recursos multimídias que integrem vídeos e imagens. Isso tudo com autenticidade, transparência e realidade.

Crescimento do LinkedIn
O LinkedIn passou firme pela crise das Fake News e fortaleceu sua influência ainda mais em 2018. Não é à toa que o número de usuários cresceu vertiginosamente, passando de 500 milhões no momento.
Para 2019, a tendência é que a potência que a rede social tem para gerar conteúdo relevante vá se fortalecer ainda mais.

Conversas pessoais e grupos
A necessidade de privacidade faz com que os usuários encontrem nos grupos das redes sociais “proteção” e interação com pessoas que compartilham dos mesmos interesses.
Olhar para estes nichos como forma de ampliar a influência da sua empresa é uma tendência importante, e os grupos no Facebook são os principais locais onde se pode ter uma relação mais direta com os usuários.
Além disso, o foco em conversas pessoais é outra tendência. Utilizar canais como Facebook Messenger e WhatsApp para atendimento direto e pessoal ao cliente tem funcionado com ótimos resultados, e o uso de Chatbots passam a auxiliar as empresas nessa demanda que só tende a crescer em 2019.

Destaque dos anúncios
Destacar seu anúncio no mar praticamente infinito de conteúdos possibilitados pelas redes sociais vai ser outra necessidade em 2019.
Campanhas com foco em conteúdo relevante e com histórias completas são algumas das tendências para destacar sua empresa em qualquer rede.